segunda-feira, junho 26, 2006

Cá vamos andando com a cabeça entre as...

...orelhas!!!

Entre Fraldas, cólicas (que pesadelo...), trabalho, bola (que jogão ontem!!!) o tempo escorre entre os dedos como areia fina... Huummm, areia, areia-mar, mar-praia, praia-férias, férias-descanso... Ainda faltam algumas semanas mas começamos a precisar delas.

Vai ser engraçado levar o nosso bebé de férias com todas as tralhas necessárias (mais o senhor cão), parece-me que teremos que levar 2 carros e mesmo assim...

Bem, ainda falta tanta coisa para podermos pensar nisso que nem quero pensar...

Hoje já chega, amanhã há mais!

sexta-feira, junho 23, 2006

Malditas Cólicas!!!

A noite passada foi, no mínimo, durinha para todos. Pouco sono, muito choro e desespero! Daí que adore as manhãs e o começo de novos dias pois conseguem afastar a noite mal dormida e trazer esperança para o desenrolar de um dia normal (se bem que agora a normalidade por aqui é algo muito estranho....).
Depois, é claro, que cada novo dia vai passando e voltam o fim da tarde e, inevitavelmente, a noite. Esperemos que a de hoje seja menos dolorosa! Até porque vem aí o fim-de-semana e tudo tem outro sabor!

MJ

quinta-feira, junho 22, 2006

Finalmente que aparece a Mãe!

Pois é....custou mas não faltou! Mãe do Francisco ao vivo e a cores para testemunhar que cá "Em Casa" já nada é como "intigamente"!
Quer no nº de habitantes, agora com acrescento, quer no tipo de habitantes. Passo a descrever:
Adulto do sexo masculino (Pai) - olheirento, babadíssimo, frase mais dita "Eu mudo-lhe a fralda".
Adulto do sexo feminino (Mãe) - olheirenta, babadíssima, soutien 2 nºs acima, frase mais dita "Já está na hora de ele mamar".
Animal do sexo masculino (Cão) - carente, ruidoso, frase mais dita se falasse "Ou o puto se pisga ou ao menos que me atire umas bolas".
Bebé do sexo masculino (Filho) - lindo, cheiroso, frases mais ditas se falasse "Quero comer" (choro), "Dói-me a barriga" (choro), "Tira-me a fralda" (choro), "Tenho frio" (choro), "Tenho calor" (choro), "Quero colo" (choro).
Acredito que daqui a uns 20 aninhos tudo volte à normalidade!!!!!!!!

MJ

quarta-feira, junho 21, 2006

Portugal-México visto pelos Simpsons!!!

Mais um link de diversão pura...

Pois é, parece que Portugal e o México já se defrontaram antes...num episódio dos famosos Simpsons em que ambas as equipas decidiam entre si o... Título de Campeão do Mundo!!!

Nesse jogo também ganhámos, eh, eh, eh!

terça-feira, junho 20, 2006

segunda-feira, junho 19, 2006

Em caso de emergência pediátrica

Utilizem a linha de urgências pediátricas - 808 24 24 00.

Na passada 6ª-Feira a mamã desconfiou da temperatura do Francisco, tirámos-lhe a febre e deu 37,4º. Não obtendo resposta da Pediatra, ligámos para este número e ficámos muito agradados com a resposta.

Tendo sido a 1ª "doença" do nosso bebé a ansiedade era grande e o impulso inicial foi ir para o hospital. Antes disso, resolvemos contactar a Linha de Emergência Pediátrica - 808 24 24 00 - atendeu-nos uma enfermeira que foi extremamente profissional, muito rigorosa. Fez imensas perguntas para tentar despistar as possibilidades mais frequentes, avisando logo de início que a temperatura não era considerada febre. Ficámos mais descansados e não precisámos ir ao hospital.

Aproveitem, é quase gratuito e basta ser utente do Serviço Nacional de Saúde.

sexta-feira, junho 16, 2006

Benvinda a esta casa

A partir de agora a mamã cá de casa vai passar a contribuir para este blog. É absolutamente justo que assim seja porque esta casa virtual também lhe pertence.

À medida que os restantes membros da família aprenderem a escrever, irão sendo autorizados a contribuir para o blog!

Espero que ela se divirta tanto aqui como eu!

P.

quarta-feira, junho 14, 2006

Noite de Trovoadas

Esta semana tem sido demasiado estranha...trabalhar dia-sim, dia-não, longe de ser um descanso, está a ser uma confusão para o ritmo normal... Ou seja, na 2ª, parecia ser 6ª mas não era, hoje parece ser 2ª mas é 4ª e amanhã, apesar de ser 5ª, vai parecer ser Sábado e Domingo ao mesmo tempo. Confuso?

A ajudar à festa, esta noite foi noite de trovoadas, que é o mais apróximado do fim do mundo para o cão lá de casa (isso e fogo de artifício...). Normalmente um trovãozito de vez em quando não causa mossa. Mas quando se tem em casa um cão neurótico que, apesar de ser supostamente um "cão de caça", se assusta ao mínimo ribombar, uma noite como a de ontem pode ser um autêntico festival no mau sentido. A juntar ao pânico canino (que ladrou desalmadamente e correu freneticamente de um lado para o outro) o Francisco anda novamente com cólicas nocturnas... Um não conseguia dormir por causa das dores e quando o fazia, o outro lá o acordava com os seus ataques de medo!

Como devem perceber a noite de ontem foi para tudo menos para dormir! Começo a acreditar que o cão e o bebé estão a montar uma conspiração para dar cabo do juízo aos adultos lá de casa...

sexta-feira, junho 09, 2006

Começou hoje


e lá em casa vamos (vou) acompanhar a par e passo, desde que o Francisco e o trabalho nos deixem...

É a festa do futebol e vai ser um espectáculo e peras. Para além disso, como vai decorrer na Europa, não temos jogos em horários muito díspares (tipo às 9 de manhã como há 4 anos atrás...). Se bem que, com os horários com que andamos lá em casa, uns joguitos de bola às 3 da manhã até ajudavam...

Let the games begin e que Portugal vá até ao fim!

As primeiras interacções...

Nas primeiras semanas, apesar do deslumbramento, não se pode dizer que exista uma relação bidireccional entre pais e filhos... Claro que ele pode reconhecer a voz, sentir o cheiro e o toque, sentir-se mais calmo quando está próximo de nós mas não há uma reacção aparente.

Nos últimos dias a situação mudou e à nossa voz ou às nossas brincadeiras (algo tolas se pensarmos um pouco nelas...) começam-se a esboçar pequenas reacções, uns sorrisos, umas caretas, um desviar de olhos na nossa direcção... e aí os pais derretem-se completamente!

As últimas noites têm sido complicadas, começo a pensar que o puto tem o quê de morcego (e não são as orelhas...). Esperemos que ele se aperceba que estamos a entrar no fim de semana...

segunda-feira, junho 05, 2006

O primeiro sorriso

O Francisco fez um mês este fim de semana...já passou um mês e parece que foi ontem que aquele príncipe nesceu!

Apesar de ter sido um fim de semana estragado (o pai esteve encostado às boxes com uma gripe valente) valeu pelo facto de o nosso bebé começar a interagir connosco quando falamos com ele. E começas a esboçar uns sorrisos tímidos o que dá uma enorme satisfação quer à mãe, quer ao pai!

Até o cão lá de casa já se rendeu e da desconfiança/desinteresse inicial já se deita ao lado dele e lança uma lambidela de vez em quando que deixa o Francisco um pouco confuso.

Enfim, a vida vai-se desenrolando devagar, cabe-nos a nós vivê-la ao máximo em cada momento.

P.

quinta-feira, junho 01, 2006

1º Dia da Criança

Até hoje, e desde há muitos anos, o Dia da Criança passava-nos quase ao lado.

Até hoje...porque hoje temos uma criança bem próxima de nós e olhamos para esta data com outros olhos!

Acho a data mais uma daquelas datas que existem mais por razões comerciais ("tens que comprar uma prenda para o teu filho!) do que por razões afectivas. Como se, por comprar ou não uma lembrança, um pai ou uma mãe gostem mais ou menos dos seus filhos... Ou o facto de trazer uma prenda para casa neste dia me desobrigue de o fazer noutro dia (porque me pode apetecer amanhã comprar-lhe uma prenda...). A simples ideia que o que importa é dar uma prenda no Dia da Criança repugna-me... Porque mais importante que bens materiais, é tão melhor um beijo, um carinho, uma palavra de amor. Isso sim é que interessa.

Lembro-me, neste dia, dos 800 milhões de crianças em todo o mundo que vivem abaixo do limiar mínimo da pobreza... Podíamos encaminhar o dinheiro gasto neste dia em "prendas" para estas pessoas. Se calhar esse dinheiro nem lá chegava e se chegasse, provavelmente não ajudaria muita gente mas seria bem melhor empregue.